Filmes e livros para fomentar a empatia

“A ignorância é uma bênção, a informação liberta.”

 

A Utopia Vegana apoia a informação, e trabalhamos para facilitar a escolha por ela, mas só você pode decidir qual prefere: ignorância ou informação?

 

No fim das contas, o que é necessário para abraçar o veganismo pelos animais vem da empatia, mas a informação também pode ajudar a alcançar essa empatia e produzir “o clique”. E que melhor maneira há para estar bem informado senão um bom livro ou um bom documentário? Então, aqui estão nossas 10 recomendações (5 livros e 5 filmes) que podem deixá-lo(a) melhor informado(a) e, quem sabe, considerar o veganismo:

FILMES:

  1. Home (2009) – Yann Arthus-Bertrand

Uma visão de pássaro sobre o nosso planeta, seus sistemas e nossa presença nele. Home é um documentário impressionante repleto de imagens aéreas que emprestam referências da trilogia de Godfrey Reggio, que começou com Koyaanisqatsi. Como diz o narrador “sabemos que as soluções existem hoje. Todos nós temos o poder de mudar. Então, o que estamos esperando?”

  1. Earthlings (ou Terráqueos) (2005) – Shaun Monson

Joaquin Phoenix emprestou sua voz e Moby sua música para este documentário chocante, mas necessário. Usando câmeras escondidas e filmagens que não saem nos jornais, “Terráqueos” narra as práticas do dia-a-dia das maiores indústrias do mundo, todas as quais dependem inteiramente de animais para gerarem seu lucro.

  1. Dominium (2018) – Chris Delforce

Caso você tenha perdido o número 2 da lista, este número 3 cumpre o mesmo objetivo: trazer à tona os horrores que se escondem nas indústrias de exploração animal. Dominion usa drones, câmeras escondidas e portáteis para expor o lado negro da agricultura animal moderna, questionando a moralidade e a validade do domínio da humanidade sobre o reino animal. Embora se concentre principalmente em animais usados ​​para alimentação, também explora outras maneiras pelas quais os animais são explorados e abusados ​​por humanos, incluindo roupas, entretenimento e pesquisa.

  1. Cowspiracy (2014) – Kip Andersen e Keegan Kuhn

Siga a jornada chocante, mas bem-humorada, de um aspirante a ambientalista, enquanto ele ousadamente busca encontrar a solução real para as questões ambientais mais urgentes e o verdadeiro caminho para a sustentabilidade.

  1. Seaspiracy (2021) – Ali Tabrizi

Embora de um diretor diferente, é inegável que Seaspiracy é muito influenciado por Conspiracy na forma como o diretor apresenta suas descobertas e conduz suas invetigações. Apaixonado pela vida nos oceanos, um cineasta se propõe a documentar os danos que os humanos causam às espécies marinhas – e descobre uma corrupção global alarmante.

LIVROS:

  1. Por que amamos cães, comemos porcos e nos vestimos de vacasMelanie Joy

Este livro oferece um olhar absorvente sobre o que a psicóloga social Melanie Joy chama de carnismo, o sistema de crenças que nos condiciona a comer certos animais quando nunca sonharíamos em comer outros. O carnismo causa grande sofrimento aos animais e injustiça global, e nos leva a agir contra nossos próprios interesses e os interesses dos outros sem perceber completamente o que estamos fazendo. Ter consciência do que é o carnismo e de como ele funciona é vital para o fortalecimento pessoal e a transformação social, pois nos permite fazer nossas escolhas alimentares com mais liberdade – porque sem consciência não há livre escolha.

  1. Vegan FreakBob Torres e Jenna Torres

Curioso sobre o veganismo? Quer ser vegano? Já é vegano? Ou está apenas se perguntando como ser vegano sem enlouquecer? Neste guia prático e informativo sobre veganismo, o casal Torres ajuda você a amar sua aberração vegana interior. Carregado com dicas, conselhos, histórias e listas abrangentes de recursos que nenhum vegano deveria viver sem, este livro é a chave para ajudá-lo a prosperar como um vegano feliz, saudável e são em um mundo decididamente não vegano. Espirituoso, teimoso e eminentemente útil.

© Pixabay
  1. Manifesto Animal. Politizando a causa animalCorine Pelluchon

Mostrando o que está em jogo no abuso animal, Corine Pelluchon afirma que a causa animal é também a causa da humanidade. Lutar contra o abuso de animais exige que denunciemos um modelo de desenvolvimento que se baseia na exploração ilimitada de outros seres, sejam eles humanos ou não humanos. Esse compromisso significa também que temos como objetivo promover uma sociedade melhor e mais sustentável. A questão animal não é um campo isolado, mas está ligada a uma nova teoria política global. Além disso, diz respeito a todos, embora não tenhamos as mesmas posições ideológicas e tenhamos interesses opostos.

  1. O debate sobre os direitos dos animais: abolição ou regulamentação?Gary L. Francione e Robert Garner

Gary L. Francione é professor de direito e principal filósofo da teoria dos direitos dos animais. Robert Garner é um teórico político especializado em filosofia e política de proteção animal. Francione afirma que não temos nenhuma justificativa moral para usar não-humanos e argumenta que, como os animais são propriedade ou commodities econômicas, as leis ou práticas da indústria que exigem tratamento “humano”, em geral, não fornecem qualquer nível significativo de proteção. Garner defende uma versão dos direitos dos animais que enfoca a eliminação do sofrimento animal e adota uma abordagem protecionista, sustentando que, embora a ética tradicional do bem-estar animal seja filosoficamente falha, ela pode contribuir estrategicamente para a realização dos fins dos direitos dos animais.

  1. Sapiens: uma breve história da humanidadeYuval Harari

Você sabia que Yuval Harari, autor celebridade da última década, se tornou vegano enquanto escrevia este livro? Não é um livro sobre veganismo, mas certamente ajuda você a entender o quadro geral que levou a sociedade a ser estruturada da maneira que está hoje e para onde está indo. Temos a tendência de pensar na humanidade como os mestres únicos e inevitáveis ​​do Universo. Na verdade, não éramos a única espécie humana que existia na Terra, e a maior parte do nosso progresso aconteceu apenas no passado recente. Em “Sapiens”, Yuval Noah Harari dá um relato detalhado da história humana, apresentando os fatos e mitos de como a humanidade dominou o planeta, as forças motrizes que moldam nossas vidas e como podemos pensar sobre nosso impacto na Terra e nosso futuro coletivo.

© Vitor Schietti

Dois livros que não entraram nesta lista (mas quase chegaram):

Animal Liberation ou Liberação Animal, de Peter Singer: embora o trabalho pioneiro de Peter Singer tenha influenciado muitos veganos, após aprofundarmos nosso conhecimento sobre o autor nos deparamos com incongruências e um descompromisso com a filosofia vegana que fica evidente pela isenção de Paris. Existem muitos críticos ao trabalho de Singer, alguns trazem argumentos interessantes como este, mas, sem dúvida, “Liberação Animal” também é capaz de expor perspectivas válidas e poderia fornecer informações perspicazes, apenas sentimos que fica aquém de onde o veganismo deveria almejar, afinal.

Outro livro interessante a ser citado é The Omnivore’s Dilemma, de Michael Pollan, que não defende o veganismo de forma alguma, mas apresenta uma investigação profunda sobre a pecuária americana, tanto em uma escala industrial quanto em uma escala mais local, e pode oferecer insights na relação da sociedade com os animais, especialmente a economia por trás dela. A ligação entre o aumento do excedente de milho no século 20 e o crescimento da pecuária mostra o quanto a normalização do consumo de carne parece ser mais influenciada por fatores econômicos do que culturais.

NOTA: Originalmente íamos disponibilizar os links dos livros recomendados, mas não conseguimos encontrar todos os livros nos três idiomas com que trabalhamos (inglês, português e espanhol) e, além disso, a plataforma para comprar os livros pode estar em conflito sua escolha preferida, então se você estiver interessado em um dos livros e quiser saber onde comprá-lo, nosso bom amigo Google irá ajudá-lo. É até possível encontrar alguns deles em formato PDF, então boa sorte na sua pesquisa e conte-nos se ler ou assistir a alguma das nossas recomendações!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Share this post with your friends

Rolar para cima